Corredor que não é para correr

Às vezes morro de rir com as tiradas do meu filho mais velho, outras vezes fico sem fala

Como ontem, quando ele estava correndo de um lado para o outro no corredor do nosso apartamento com o irmão mais novo e eu pedi que parassem. Citei alguns motivos, como um possível escorregão ou um encontrão que poderia acontecer, fazendo com que se machucassem e o barulho que poderia estar incomodando os vizinhos de baixo.

“Mas, mãe, se o nome é corredor, é um lugar para correr, não entendo por que não posso! Por que então deram esse nome?” O português realmente é complexo… Podia se chamar passador, conector, “ligador”, comunicador, qualquer coisa que transmitisse a ideia de ligação, conexão, lugar por onde se passa. Como meu corredor é comprido, eu queria muito ter uma passadeira. Veja bem, PASSA-DEIRA, para o lugar por onde as pessoas passam, mas acabo não colocando porque tenho medo que as crianças se machuquem. Tantas opções de nomes… Mas corredor? Até o Michaelis faz coro com o meu filho, colocando em seguida as duas definições:

Substantivo masculino:

  1. Indivíduo que corre.
  2. Passagem estreita, geralmente longa, no interior de uma construção, que liga dois ou mais compartimentos.

 

Foto: Wavebreakmedia

Leia também

Deixe uma resposta