Movimento contra vacinas chega ao Brasil?

Ouvindo hoje o @aquelasduaspodcast que eu estou adorando, me surpreendi ao saber que o movimento contra vacinas chegou ao Brasil. Nas minhas rodas maternas não conheço ninguém que seja contra vacinas (ou pelo menos ninguém que tenha coragem de se assumir contra), fiquei curiosa. Vocês conhecem? 


Há uns dois meses, a história do político italiano Massimiliano Fedriga chamou a atenção e virou piada mundial. Ele foi internado com catapora e é um dos expoentes do movimento que prega a liberdade da vacinação. 
Por coincidência, hoje eu aproveitei a chuva e a probabilidade de não ter fila (já tinha ficado 1h30 na fila outro dia e desistido), e fui me vacinare vacinar os meninos. Fiquei pensando nisso, como em pleno século XXI essas doenças antes erradicadas voltam devido à onda da resistência àvacina, mas achei que fosse uma moda européia… 

Foto:  https://paizinhovirgula.com

Deixe uma resposta